Como cuidar da pele oleosa

Quase todo mundo tem pele oleosa, ainda mais aqui no Brasil, uma terra abençoada, úmida e quente! E isso não é uma coisa ruim - basta seguir alguns cuidados para manter sua pele saudável. Se você tem acne severa, a dica é procurar tratamento com um profissional. Nesta matéria, vamos ver algumas dicas para manter cuidados básicos com a pele oleosa!
 
Antes de tudo, sua pele é realmente oleosa?

É importante saber qual é o seu tipo de pele. Se seu rosto tem cravos, poros dilatados e uma aparência mais brilhante, você tem pele oleosa, ou seja, produz naturalmente uma maior quantidade de sebo.

A vantagem deste tipo de pele é que o excesso de sebo diminui o surgimento de rugas, então a pele envelhece mais lentamente. A desvantagem é que este mesmo sebo obstrui os poros, causando cravos e espinhas.

Mas não é somente a produção exacerbada de sebo que contribui para o surgimento da acne. Mudanças hormonais, estresse, alimentação inadequada, falta de higiene e condições físicas também influenciam na saúde de nossa pele.

O primeiro passo para manter uma pele oleosa saudável é mante-la limpa.

Dependendo do calor ou do ambiente em que vc está (se você fica muito exposta à poluição, por exemplo), é bom lavar o rosto de 1 a 2 vezes por dia. Prefira sabonetes naturais, pois removem a oleosidade e os resíduos da pele delicadamente, sem agredi-la, evitando o efeito rebote. O efeito rebote acontece quando retiramos sebo em excesso, deixando a pele sem hidratação e nem proteção. Isto acaba deixando a pele ainda mais oleosa, pois nosso organismo entende que precisamos produzir ainda mais sebo para manter nosso rosto protegido.

Alguns ingredientes que auxiliam no equilíbrio da oleosidade da pele e que podem estar presentes em seu sabonete natural são: óleos essenciais de eucalipto, alecrim e melaleuca, óleo vegetal de coco palmiste, manteiga de ucuuba, argila verde e carvão ativado, para citar alguns.
 
Depois de se certificar que sua pele está limpa, está na hora de esfolia-la e tonifica-la!

Uma sugestão para uma esfoliação leve é fazer uma máscara: misture 2  a 3 colheres de sopa de argila verde com um pouco de água, chá (hamamelis ou camomila) ou hidrolato (água floral) aos poucos até formar uma pasta. Aplique no rosto limpo, deixe por 10 minutos e enxágue normalmente com água.

Como tônico, você pode usar um simples hidrolato de gerânio, alecrim ou melaleuca. Chá verde e de camomila também funcionam! Não esqueça de manter os hidrolatos na geladeira, pois é um tipo de produto que estraga bem rápido (4 meses no máximo depois de aberto). 
 
O último passo para a rotina de cuidados com peles oleosas é a hidratação.

Ao contrário do que se pensa, colocar óleo na pele oleosa não vai deixa-la mais oleosa. Quando a pele recebe óleo, entende que já está hidratada e protegida o suficiente e não precisa produzir mais.

De qualquer maneira, é importante saber qual tipo de hidratante/óleo utilizar. Procure por ingredientes que ajudam no controle da oleosidade da pele, como óleos essenciais de lavanda, alecrim e melaleuca, óleos vegetais de maracujá, damasco e coco palmiste, manteiga de ucuuba e hidrolato de rosa, entre outros.

O importante é ter consciência do seu tipo de pele e cuidar dela da melhor forma possível! Assim, ficamos mais saudáveis e, consequentemente, melhoramos nossa auto-estima e ficamos mais confiantes!